Interdisciplinaridade: processo de conhecimento e ação
PDF

Como Citar

Scherer, M. D. dos A., & Pires, D. (2011). Interdisciplinaridade: processo de conhecimento e ação. Tempus – Actas De Saúde Coletiva, 5(1), Pág. 69-84. Recuperado de //tempus.unb.br/index.php/tempus/article/view/919

Resumo

Considerando a atualidade do tema e a sua utilização não só no plano teórico, mas também no delineamento das práticas multiprofissionais, este artigo tem como objetivo traçar um panorama do debate em torno do tema da interdisciplinaridade, identificando o contexto do seu surgimento, a sua relevância, as principais concepções, obstáculos e perspectivas para a sua efetivação, segundo autores identificados, na literatura contemporânea, como referências para o tema. O estudo sinaliza que a interdisciplinaridade pode ser analisada tanto no plano epistemológico quanto no plano da resolução de problemas da vida prática. Conclui que a busca de resolução de problemas que afligem a humanidade coloca a interdisciplinaridade como um caminho necessário, numa perspectiva de compartilhamento de saberes para análise dos fenômenos e intervenção na realidade, constituindo-se num processo de conhecimento e ação.
PDF