Mobilização para um Programa de Pesquisa Translacional em Leishmanioses: uma Solução para Saúde Pública.

Autores

  • Ricardo Barros Sampaio Universidade de Brasília - Núcleo de Estudos de Saúde Pública
  • Flávia Tavares Silva Elias
  • Celina Roitmam
  • Ricardo de Godoi Mattos Ferreira
  • Carlos Medici Morel
  • Manoel Barral Neto
  • Edgar Marcelino Carvalho
  • Wagner de Jesus Martins
  • Gerson de Oliveira Penna

DOI:

https://doi.org/10.18569/tempus.v9i3.1800

Resumo

Este artigo tem como objetivo registrar o processo de articulação de pesquisadores e gestores de Ciência e Tecnologia que culminou com a estruturação de um programa de pesquisa translacional para busca de soluções acerca de novos tratamentos para as leishmanioses. Em que pese a expressiva massa de publicações na área de leishmaniose, ainda persiste a falta de acesso a tratamentos efetivos para pacientes. O aumento no número de casos registrados tem alarmado os gestores de saúde pública. Na contramão da situação que se apresenta o número de pesquisas científicas na área tem crescido nos últimos anos colocando o Brasil entre os países com maior número de publicações científicas na área junto aos EUA e India. A estratégia de aproximar e ativar uma rede de pesquisadores no campo e direcioná-los a um programa de pesquisa translacional será o foco de ação nos próximos dez anos.

Downloads

Publicado

2015-12-28

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)