Uso da tecnologia da informação como ferramenta no ensino e aprendizagem para a gestão em saúde.

Autores

  • Antonio Rodrigues Ferreira Ferreira Junior Coordenação Editorial - Editora Executiva - Editora Associada Tecnologia da Informação, Educação e Comunicação em Saúde - Universidade de Brasília - Núcleo de Estudos de Saúde Publica
  • Nelson Filice Barros

DOI:

https://doi.org/10.18569/tempus.v8i3.1571

Resumo

O artigo relata a experiência do uso da internet como ferramenta de ensino e aprendizagem para o planejamento e gestão em Saúde, no Curso de Graduação em Enfermagem de uma Instituição de Ensino Superior, no município de Sobral – Ceará - Brasil, no ano de 2011. Oportunizou-se a 90 discentes vivenciarem, por meio da gestão virtual, práticas inerentes à gestão financeira e ao planejamento em saúde de alguns municípios de pequeno porte cearenses, utilizando como principal ferramenta a rede mundial de computadores. Ocorreu efetiva participação dos futuros enfermeiros à experiência, com relatos de apreensão e aprimoramento do conteúdo a partir da realidade e dos recursos tecnológicos que disponibilizavam informações dos municípios. A utilização da internet mostrou-se ferramenta importante no processo educativo para identificar e compreender a dinâmica e o fluxo do gerenciamento em saúde nos municípios, possibilitando o desenvolvimento de um profissional com gradativa melhora na capacidade crítica, potencializando sua atuação.

Biografia do Autor

Antonio Rodrigues Ferreira Ferreira Junior, Coordenação Editorial - Editora Executiva - Editora Associada Tecnologia da Informação, Educação e Comunicação em Saúde - Universidade de Brasília - Núcleo de Estudos de Saúde Publica

Professora adjunta do Departamento de Saúde Coletiva, da Universidade de Brasília (UnB). Possui doutorado em Ciência da Informação pela UnB, mestrado em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro, especialização em Administração da Comunicação Empresarial e graduação em Jornalismo e Relações Públicas. Atualmente é coordenadora do Centro de Tecnologias Educacionais Interativas em Saúde, da Faculdade de Ciências da Saúde (CENTEIAS/FS) e pesquisadora colaboradora do Núcleo de Estudos em Saúde Pública da UnB (NESP/CEAM/UnB), onde coordena a Unidade de Tecnologias da Informação e Comunicação em Saúde. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas em Informação em Comunicação em Saúde Coletiva (CNPq-Brasil). Foi consultora em projetos de inclusão digital para o Ministério das Comunicações. Tem experiência nas áreas das Ciências da Informação e da Comunicação com ênfase em Comunicação da Informação, atuando principalmente nos seguintes temas: informação e comunicação em saude, tecnologias da informação e comunicação em saúde, inclusão digital, alfabetização em informação e em comunicação, redes sociais e ensino a distância.

Downloads

Publicado

2014-12-24

Edição

Seção

ARTIGOS ORIGINAIS